No final de 1952, vieram para a região, algumas famílias originárias do Japão. Dentre vários colonizadores, o que mais se destacou foi Massato Matsubara.
Com a abertura de uma estrada ligando a região de Campo Grande, iniciou-se o povoamento denominado "Faca de Pau" onde, Matsubara, projetou e implantou um loteamento, dando origem a cidade de Rio Negro.

Predominava naquela época as lavouras cafeeiras, que enchiam os olhos daqueles que aqui chegavam, passando com o tempo, a se plantar lavouras diversificadas, das quais acentuadamente o arroz, feijão e milho. As prospectivas de progresso eram animadora e logo a "colonia de Rio Negro de Santa Luzia" passava a situação de Distrito de Rio Negro, pertencente ao municipio de Corguinho - MT; isto em 1959.
Foi elevada a distrito pela Lei n° 168, de 21 de novembro de 1958 e o município criado pela Lei nº 2.141, de 18 de março de 1964. Comemora-se dia 09 de maio sua emancipação política.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Rio Negro (ex-povoado de Colônia Japonesa), pela lei estadual nº 1168, de 21-11-1958, subordinado ao município de Corquinho. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o distrito de Rio Negro figura no município de Corguinho.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 31-XII-1963.

Elevado à categoria de município com a denominação de Rio Negro, pela lei estadual nº 2141, de 18-03-1964, desmembrado do município de Coquinho. Sede no atual distrito de Rio Negro. Constituído do distrito sede. Instalado em 09-05-1965. Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído do distrito sede. Pela lei estadual nº 3756, de 29-06-1976, é criado o distrito de Nova Esperança e anexado ao município de Rio Negro.

Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 2 distritos: Rio Negro e Nova Esperança. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2009.

Você não tem conta ainda? Registrar Agora!

Faça Login em sua conta